• Horário de atendimento no período de férias: de segunda à sexta, das 14h às 20h.
Publicado em: 08/12/2021

08/12/2021

Ciclo de debates “Desafios no enfrentamento da violência doméstica e familiar”

As Faculdades Integradas Rio Branco Granja Vianna, em parceria com a OAB Cotia, realizaram, nos dias 07 e 08 de dezembro, o evento online “Desafios no enfrentamento da violência doméstica e familiar”.

A abertura foi realizada pelo diretor acadêmico José Maria de Souza Júnior e contou com a presença da vice-prefeita de Cotia, ngela Maluf, e da presidente da OAB Cotia, Dra. Mariana Arteiro, primeira mulher a ocupar esta posição na região.

A coordenadora do curso de Direito das FRB, Renata Ferreira, foi a mediadora do primeiro dia de debates. No primeiro encontro, as palestrantes foram a Dra. Silvia Cursino, advogada especialista no combate à violência doméstica e familiar, e a delegada de polícia e coordenadora do Serviço Técnico de Apoio às Delegacias de Polícia de Defesa da Mulher do Estado de São Paulo, Dra. Jamila Jorge Ferrari, que debateram sobre “Desafios estruturais no contexto atual e de diversidade a serem enfrentados”.

Silvia falou sobre feminicídio, Lei Maria da Penha e sobre a campanha “Sinal Vermelho na mão”, que foi lançada durante o ano da pandemia, devido ao aumento de casos de violência doméstica. Foram destacadas outras conquistas recentes, como a lei Mariana Ferrer.

O segundo debate teve como tema “Efetividade do sistema penal de combate à violência doméstica e familiar”, com a mediação da professora Renata Ferreira e com a participação do Dr. Henrique Gonçalves Sanches, advogado criminalista, do Dr. Ricardo Navarro, promotor de Justiça do Ministério Público de Cotia, e da Dra. Chis Oliveira, advogada especialista na Lei Maria da Penha.

No dia 08 de dezembro, o primeiro encontro contou com a mediação de Enzo Natrielli, que recebeu o psicanalista, com formação acadêmica em Direito e Psicologia, Dr. Fabrício Notary; a assistente social e conselheira tutelar 2020, Luana Karen Silva de Carvalho; e a gestora de escola pública pelo Estado de São Paulo e formadora especialista em projeto de vida e tutoria, Daniele Moschioni, que falaram sobre “Impactos nos procedimentos de intervenção”.

O tema do último encontro do ciclo de debates foi “Buscando soluções a partir de novas abordagens: próximos passos ou novos desafios”, com a presença da mediadora Lilian Chaves, do Dr. Wendell Lopes, Juiz de Direito do TJSP desde 2003, especialista em Direito Penal, da Dra. Simone Henrique advogada, mestra e doutoranda em Direitos Humanos pela USP, e Rita Augusta de Castro, administradora com experiência em empresas multinacionais, co-fundadora do coletivo Mulheração, com atuação política na cidade de Cotia.